Ficção, Mackintosh, Mistério, Suspense, thriller

I see you by Clare Mackintosh

Plot summary:
Every morning and evening, Zoe Walker takes the same route to the train station, waits at a certain place on the platform, finds her favorite spot in the car, never suspecting that someone is watching her…
It all starts with a classified ad. During her commute home one night, while glancing through her local paper, Zoe sees her own face staring back at her, a grainy photo along with a phone number and listing for a website called findtheone.com.
Other women begin appearing in the same ad, a different one every day, and Zoe realizes they’ve become the victims of increasingly violent crimes—including rape and murder. With the help of a determined cop, she uncovers the ad’s twisted purpose…a discovery that turns her paranoia into full-blown panic. For now Zoe is sure that someone close to her has set her up as the next target. (…)

Review:
Este livro surpreendeu-me bastante pela positiva, o plot twist é de nos deixar de boca aberta. Quando ia a meio do livro, pensando eu “já descobri tudo, já sei o fim”, achava que já tinha descoberto o final deste thriller, mas estava muito enganada.

A história começa quando a protagonista Zoe Walker vê a sua foto nos classificados de um jornal e fica determinada a encontrar respostas para a publicação daquela fotografia e… para a publicação de fotografias de outras mulheres. Mas a única resposta que encontra é um web site… e começa a pensar… foi um erro? uma coincidência?

Ficção, Literatura Portuguesa, Romance, Tordo

O Bom Inverno de João Tordo

Plot summary:
Quando o narrador, um escritor prematuramente frustrado e hipocondríaco, viaja até Budapeste para um encontro literário, está longe de imaginar até onde a literatura o pode levar. Coxo, portador de uma bengala, e planeando uma viagem rápida e sem contratempos, acaba por conhecer Vincenzo Gentile, um escritor italiano mais jovem, mais enérgico, e muito pouco sensato, que o convence a ir da Hungria até Itália, onde um famoso produtor de cinema tem uma casa de província no meio de um bosque, escondida de olhares curiosos, e onde passa a temporada de Verão à qual chama, enigmaticamente, de O Bom Inverno. O produtor, Don Metzger, tem duas obsessões: cinema e balões de ar quente. Entre personagens inusitadas, estranhos acontecimentos, e um corpo que o atraiçoa constantemente, o narrador apercebe-se que em casa de Metzger as coisas não são bem o que parecem. Depois de uma noite agitada, aquilo que podia parecer uma comédia transforma-se em tragédia: Metzger é encontrado morto no seu próprio lago. Porém, cada um dos doze presentes tem uma versão diferente dos acontecimentos. Andrés Bosco, um catalão enorme e ameaçador, que constrói os balões de ar quente de Metzger, toma nas suas mãos a tarefa de descobrir o culpado e isola os presentes na casa do bosque. Assustadas, frágeis, e egoístas, as personagens começam a desabar, atraiçoando-se e acusando-se mutuamente, sob a influência do carismático e perigoso Bosco, que desaparece para o interior do bosque, dando início a um cerco. E, um a um, os protagonistas vão ser confrontados com os seus piores medos, num pesadelo assassino que parece só poder terminar quando não sobrar ninguém para contar a história.

Review:
Hoje trago-vos mais um novo autor da minha estante e que me surpreendeu bastante pela positiva!

Esta história começa por descrever a vida atormentada de um protagonista anónimo, um escritor solitário e coxo que me conquistou desde o início, não me perguntem a razão, mas qualquer história que envolva um escritor passa logo para a minha secção de livros preferidos.