Carloto, Poesia, Review

Flux de Orion Carloto

Plot summary:
Flux is a somber narrative, an ode to change, a collection of poetry and prose written from the many states of grief over a broken heart.  With original illustrations by artist Katie Roberts, Orion Carloto creates a dream world for the brokenhearted and paints a whimsical picture around the themes of love, loss, solitude, depression, sex, nostalgia, and unrequited romance. Flux takes readers through a raw and sorrowful journey of each and every bitter moment of heartbreak. Forewarning, Flux is best read with a warm cup of coffee in hand.
 

Review:
No início este livro parecia muito interessante, mas logo que comecei a ler algumas páginas apercebi-me que não era assim tanto.

Desde logo, senti que não estava a ler poesia, mas sim um livro que contém uma série de pensamentos e frases e penso que resultaria melhor se assim o fosse.

Flux, aborda o tema dos corações partidos e como as pessoas vão vivendo com a perda, com a tristeza de já não estarem com a sua cara metade. Para mim, esta foi uma história de amor que não correu nada bem e que nem sempre existe a pessoa perfeita para estar ao nosso lado.

Eu não sou nenhuma expert em poemas e esta é apenas a minha opinião pessoal. À medida que  fui avançando na leitura, senti que todos os poemas são apenas pequenas frases que foram postas em estrofes e pronto. Depois de toda a poesia que já li, senti mesmo que não fazia sentido. A poesia que costumo ler toca-me, faz-me sentir alguma coisa e aqui não me senti de todo conectada com o que estava escrito.

O design deste livro é lindo, basta olhar para a capa, mas depois por dentro vamos tendo pequenos desenhos que vão acompanhando os poemas. Para ser sincera senti mais significado ao olhar para os desenhos do que propriamente a ler.

Classifiquei apenas com 1 estrela no GoodReads!

Onde podem adquirir:
Book Depository
Wook

Clássicos, Dostoiévski, Ficção, Literatura, Review

Coração Débil de Fiódor Dostoiévski

Plot summary:
Em Coração Débil (1848), uma das primeiras obras do autor, acompanhamos a tragédia de Vássia Chumkov, um jovem apaixonado mas de temperamento fraco, a quem a felicidade parece transtornar. Amado por todos os que o rodeiam, Vássia desenvolve sentimentos de culpa por recear não correponder às expectativas, deixando-se afundar progressivamente numa inquietação e numa tristeza incompreensíveis. Intenso e comovente, este livro revela bem o estilo febril do romancista russo.

Review:
Quando comecei este livro estava com um pouco de receio por ser um dos primeiros livros escrito por Dostoiévski. Tinha receio de me desiludir, mas isso não aconteceu. Esta foi uma leitura acessível, mas carregada de emoção a cada página que viramos.

O que mais gostei neste livro é o facto de este ser muito emocionalmente intenso. Nesta história acompanhamos a vida e sentimentos de Vássia Chumkov que, no início, se mostra bastante feliz. À medida que vamos avançando na leitura reparamos que a felicidade de Vássia não lhe faz bem, não se acha merecedor de tal felicidade.